Residência própria chega para mais 500 famílias de Casa Nova


Moradora de uma roça de Juazeiro desde a infância, Eleciene Xavier, 28 anos, carrega uma barriga de seis meses de gravidez e, nessa fase especial da vida, também realiza o sonho da casa própria. A família dela foi uma das 500 contempladas pelo Programa Minha Casa Minha Vida, com a entrega do Residencial Recanto do Sobrado, na manhã deste sábado (26), no município baiano de Casa Nova, no Norte do estado.

A solenidade contou com a presença do governador Rui Costa. "A gente não tinha dinheiro nem para comprar um terreno, piorou para levantar uma casa. Todo mundo que tem família sonha em ter a própria casa. Está sendo um momento único poder vir morar aqui, maravilhoso", afirma Eleciene. Ao todo, quase R$ 25 milhões da União foram investidos no empreendimento, que teve as obras executadas pelo Governo do Estado. Segundo o governador, o programa Minha casa Minha Vida vem garantindo as condições necessárias para que pessoas de pouca renda tenham moradia digna e qualidade de vida. “Aqui é lugar de família. Só quem já viveu de aluguel conhece o medo de não ter onde morar. No Brasil são mais de 3 milhões de habitações construídas, que têm atendido quem realmente precisa ", disse Rui. Economia de energia O empreendimento é composto por 500 unidades habitacionais tipo casa, divididas em dois quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço, com piso cerâmico em todos ambientes. As mais de duas mil pessoas que vão morar no local ainda têm a disposição espaço de convivência com parque infantil.

Outra novidade é um equipamento de energia solar instalado nos telhados das casas, o que deve garantir a economia para os moradores. "Ganho um salário mínimo e só com o aluguel o dinheiro acabava quase todo. Agora, vou ter minha casa com um custo menor. Além disso, o lugar é lindo, bom de viver", ressaltou Antônio Carlos da Silva, que trabalha com cultivo de uvas na região. Para Maria José dos Santos, de 31 anos, ser contemplada com uma moradia trouxe mais tranquilidade. Mãe de seis crianças e esperando o sétimo filho, ela já pensa em garantir uma vida mais confortável para a garotada."O dinheiro que entrava saía na mesma hora. A gente gastava tudo de aluguel e alimentação. Espero que tudo melhore para meus meninos", afirma. 

Regularização fundiária 

Na oportunidade, o governador Rui Costa também entregou 141 títulos de terra a moradores do Território de Identidade Sertão do São Francisco. Mais de dez municípios da região estão sendo beneficiados. "É um presente de Deus. Vamos poder plantar feijão, batata, tudo que a terra permitir. Era o que faltava para a gente melhorar o sustento", ressalta Julieta Amorim da Silva, moradora da comunidade de Santa Rita. A medida faz parte das políticas agrárias implementadas pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e visa garantir o acesso de trabalhadores rurais a terras como forma de proporcionar a ampliação da produção, além de promover a regularização fundiária de ocupações incidentes em terras públicas estaduais, em áreas rurais. 

Fruticultura 

Ainda em Casa Nova, o governador visitou a Fazenda Fortaleza, pertencente ao grupo Grand Valle - empresa especializada em suco e vendas de uva e manga, tendo respectivamente 50 e 200 hectares de plantação. Rui conferiu de perto todo o processo de produção das bebidas. A organização, que conta com apoio do Governo estadual e do Banco do Brasil, emprega mais de 400 pessoas. Do local Rui seguiu para a vinícola Ouro Verde, de propriedade do Miolo Wine Group, um grande grupo de produção e comercialização de vinho, que emprega 200 funcionários. A empresa contou com incentivos fiscais por parte do Governo da Bahia, que inclusive foi responsável pela construção das vias de acesso. 

Manu Dias/GOVBA
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.