Dilma ‘lamenta’ que Cunha seja brasileiro e deputado promete 'resposta' na Câmara


A presidente Dilma Rousseff (PT) pode ter dificultado sua semana na Câmara dos Deputados após fazer declarações sobre o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB).

Durante visita a Estocolmo, neste domingo (18), a petista foi questionada se as denúncias de que o peemedebista teria contas secretas na Suíça causavam constrangimento ao Brasil no exterior. “Seria estranho se causasse. Ele (Cunha) não integra meu governo, eu lamento que seja um brasileiro, se é isso que você está perguntando. Eu lamento que seja com um brasileiro. Acho que se distingue perfeitamente no mundo o país de qualquer um de seus integrantes”, defendeu. Segundo O Globo, aliados de Cunha afirmaram que ele ficou irritado com as declarações. 

Apesar de dizer que não colocaria “pilha” pelo áudio, ele teria prometido responder Dilma nesta segunda-feira (19) ao chegar à Câmara, depois de avaliar os detalhes da declaração. “Será inevitável responder”, teria dito.

Informações/BN
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.