Movimento dos atingidos por barragem ocupam torres de transmissão de operadoras em Sento Sé


Cerca de 200 manifestantes do Movimentos dos Atingidos por Barragens (MAB) ocuparam na manhã de hoje (28/11) as torres de transmissão das operadoras OI, VIVO e TIM. As torres estão localizadas na Serra da Mina do Encaibro, no município de Sento Sé na Bahia. Uma das principais reinvindicações é o acesso a comunicação, já que as torres transmitem sinal para outras regiões enquanto mais de 2 mil famílias que moram no entorno da Serra não tem acesso à telefonia móvel. 

O setor de Telecomunicações sofreu um intenso processo de privatização na década de 90, onde a empresa estatal TELEBRÁS foi fatiada e vendida a empresas de cunho privado internacional, sendo a maior privatização brasileira naquele período. Além disso, a privatização do setor colabora com o pagamento de altas tarifas para os usuários, no entanto ainda não atingiu a universalização dos serviços. 

Os atingidos denunciam que foram expulsos de suas terras onde hoje fica a barragem de Sobradinho, o que acarretou uma serie de violações de direitos dessas famílias em relação ao acesso à agua, energia elétrica, transporte, moradia, estradas, saúde, educação e também a telecomunicação, principal pauta do ato.

“Há 39 anos fomos expulsos de nossas terras e casas para dar lugar a construção da barragem, uma obra que nos causou muito sofrimento. Até hoje não tivemos acesso à indenização, moradia, comunicação, nem mesmo a energia gerada pela barragem! Até o acesso à água é difícil, temos que pagar 200 reais por um carro pipa. Muitos dos nossos direitos ainda são negados, todas as conquistas que tivemos até hoje são resultado da nossa luta. ”, afirma Isis Laila, atingida da região. 

Os manifestantes ainda reivindicam o início dos trabalhos de levantamento do Diagnóstico Social, Econômico e Cultural dos Atingidos pela Barragem de Sobradinho, que será realizado pelo IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). O diagnóstico busca levantar dados para subsidiar o Estado Brasileiro na criação da Politica Nacional de Direitos das Populações Atingidas por Barragens, assim como políticas estaduais de direitos. 

Informações/Vanessa Gonzaga
Coletivo de Comunicação do Levante Popular da Juventude
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.