Nota da Coordenadora de Lideres da Pastoral da Criança de Sobradinho


Venho através desta nota, salientar e parabenizar a população de Sobradinho, pelo belíssimo exercício de cidadania apresentado ontem (04), quando essa mesma população se fez presente na Escola Estadual Maria Jose de Lima Silveira e na Comunidade Rural de Algodões Novos para participar ativa e democraticamente da Eleição do Conselho Tutelar desse município, votando da sua forma e preferência, entre os 12 (doze) candidatos que se credenciaram nos processos anteriores dessa eleição. 

Num total de 6.564 (seis mil, quinhentos e sessenta e quatro) voto válidos, somados todos os votos válidos dos 12 (doze) candidatos, definindo as colocações da eleição e a provável homologação dos 05 (cinco) candidatos mais votados que ocuparão os cargos de conselheiros tutelares de Sobradinho pelo período de 4 (quatro) anos, contados a partir do ano de 2016. Aproveito para parabenizar todos os candidatos que participaram de todo o processo eleitoral, em ESPECIAL para Leudivânia Mariano, líder e única representante da Pastoral da Criança de Sobradinho que chegou até a final dessa democrática escolha, "pelo compromisso de ter se colocado para esse pleito de aconselhar e proteger as crianças e adolescentes dessa terra, missão que deve ser de todos nós, pela coragem e pela forma que se comportou desde o inicio, representado essa Pastoral muito bem. 

Leudivânia obteve o quantitativo de 492 votos válidos recebidos, não credenciando-a para ocupar uma vaga de conselheira tutelar municipal. Tenho a certeza que ela agradecerá de coração e eu também já agradeço, a todos esses votos de confiança e reconhecimento de seu trabalho pela crianças e adolescentes de Sobradinho. 

Reflito que nossa líder não obteve o quantitativo suficiente e necessário para garantir sua colocação de conselheira, tenha sido por vários fatores, até porque, ela não estava concorrendo sozinha, mas tenho em minhas indagações, uma das respostas que talvez seja a principal, que é devido até mesmo por nossas falhas enquanto PASTORAL DA CRIANÇA DE SOBRADINHO, pois, tenho a certeza que se houvesse um maior entendimento da maioria dos integrantes da Pastoral da Criança (lideres, coordenadores e voluntários) da importância dessa Pastoral estar e ser representada no Conselho Tutelar da Cidade, institucionalizando nossas ações, poderíamos ter dado muito mais e, muito mais do que demos na campanha de nossa querida e guerreira Leudivânia Mariano, cabendo a mesma e a todos nós dessa Pastoral, refletirmos nossos atos e ações e, continuarmos nossa linda e árdua luta e tarefa de "Servir, Amar, Acolher, Compreender e fazer o outro crescer", num verdadeiro sentimento de amar ao próximo, principalmente as crianças e adolescentes. 

Desejo aos futuros conselheiros tutelares de Sobradinho, eleitos, toda a sorte e compromisso do mundo, e que a partir do momento que for homologada suas ocupações nesse conselho, façam de suas vidas somente um propósito de aconselhar e proteger as nossas crianças e adolescentes, façam isso em parcerias, façam isso conosco, façamos juntos toda a sociedade de Sobradinho! 

Tânia Marques 
Coordenadora de Líderes da Pastoral de Sobradinho/BA
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.