Bahia: Policiais civis paralisarão atividades por 24 horas nesta sexta-feira


Todas as categorias da Polícia Civil do Estado da Bahia e o Departamento de Polícia Técnica (DPT) irão paralisar as atividades por 24 horas, nesta sexta-feira (2). Os serviços essenciais serão mantidos de acordo com o percentual exigido por lei (30% dos profissionais).

A paralisação foi decidida durante assembleia realizada no dia 25 de novembro e acontece como forma de protesto contra a precariedade e falta de estrutura das unidades policiais. Segundo o Presidente do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do Estado da Bahia (Sindpoc-BA), Marcos Maurício, 90% das delegacias do estado estão inadequadas, com condições de extrema precariedade e algumas delas estão instaladas em casas residenciais.

Os profissionais pedem ainda a restruturação das carreiras. De acordo com o presidente da Sindicato dos Delegados da Polícia Civil do Estado (ADPEB), Fábio Lordello, a Polícia Civil baiana possui a pior remuneração do Brasil. Lordelo explica que a partir de sábado (3) a categoria irá trabalhar sob o regime de operação padrão, ou seja, só executará as atividades que estiverem com todas as condições de trabalho exigidas por lei. 
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.