Casa Nova: Prefeito desaparece e deixa dezembro e 13º sem pagar


O atual prefeito de Casa Nova (BA), Wilson Cota (PMDB), não aparece na prefeitura desde que perdeu as eleições. Sem pagar o salário de novembro, dezembro e 13º dos contratados, sem pagar dezembro dos efetivos e com fornecedores reclamando a situação da prefeitura, Wilson Cota deixa a prefeitura em estado de calamidade.

O prefeito eleito, Wilker Torres (PSB), na solenidade de diplomação, ocorrida nesta sexta-feira comentou a situação: “Não tivemos acesso às informações da administração e o que sabemos, por conversa dos servidores, é que não foram pagos os salários dos contratados e efetivos. Não temos ainda respaldo legal para pedir bloqueio das contas, mas a APLB e os sindicatos dos servidores devem pedir estes bloqueios para garantir o recebimento dos salários em dezembro”.

“Não temos idéia do que vamos encontrar. Se confirmado tudo o que ouvimos assumiremos a prefeitura com um débito, só de salários, em torno de 10 milhões em janeiro. Uma situação extremamente difícil”. Para Torres, a saída é “austeridade” e a busca por mais recursos: “teremos de cortar despesas e buscar novas fontes de recursos. Não há outra saída possível”.

A APLB já decidiu em Assembléia pedir o bloqueio das contas e segundo a Coordenadora Regional, Maria do Carmo, o advogado da entidade foi acionado e entrou nesta sexta (16/12) com o pedido na Justiça.

Ascom Wallison Torres
Compartilhar no Google Plus

Postado por André Luiz

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.