CBHLS realizou visita técnica nas minas de ametista e plenária no município de Sento-Sé


O Comitê de Bacia Hidrográfica dos Rios Baianos do Entorno do Lago de Sobradinho (CBHLS), cumprindo seu papel de órgão colegiado da gestão de recursos hídricos, com atribuições de caráter normativo, consultivo e deliberativo, integrando o Sistema Estadual de Gerenciamento de Recursos Hídricos (CONERH), realizou visita técnica nas minas de ametista, localizada na Serra da Quixaba - Sento-Sé, acompanhado do INEMA - Instituto Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, ao tempo que também realizou em dois momentos plenária na câmara de vereadores de Sento-Sé, onde tratou dos impactos ambientais que as minas de ametista provocou na Serra da Quixaba, tratou também do quadro alarmante, divulgado pela grande mídia, de casos de Câncer no Distrito de Riacho dos Pais no mesmo município.


A visita técnica nas minas de ametista foi realizada na manhã do dia 21.09 (quinta-feira), e a plenária foi realizada na manhã e tarde do dia seguinte, 22. A plenária pela manhã foi aberta pela atual presidente do CBHLS, Silvana Leite (Sobradinho), onde apresentou de forma educativa para a razoável plateia que se fez presente, o que é era, como funciona, qual o papel daquele Comitê e o objetivo daquele ato, depois a mesma convocou a mesa diretora, composta pelo seu vice-presidente, Francisco Ivan (Sobradinho) e a Secretário Geral, Rosimaria Dias (Pilão Arcado).


Depois de verificado o quorum dos componentes do referido comitê, deu-se inicio a plenária, onde foi convocado Sr. Cássio, representando da Sesab- Secretaria de Saúde da Bahia, onde discorreu sobre as políticas e os programas de saúde aplicado pelo governo do estado de modo geral e tratou com mais enfase sobre o tema Câncer, pauta da plenária. A plateia contribui consideravelmente com o tema, indagando e fornecendo informações importantes para palestrante. Findado a participação de Cássio, alias bastante demorada, devida o tema saúde ser intenso e complexo, foi convocado Sr. Welton, representando o INEMA, que de forma rica, tratou da situação hídrica do município, sede e interiores, também recebeu muitas contribuições dos presentes, onde se encontravam secretários municipais, vereadores, lideranças comunitárias, e usuários do sistema de abastecimento de água e esgoto de Sento-Sé.


Quando a plenária foi aberta para as falas da plateia, o que mais ficou em evidencia, foi a quantidade de demandas reprimidas das comunidades da cidade, por falta de debates da forma ali colocada pelo CBHLS, por isso, muitos agradecimentos e proposta que ocorram outros eventos similares para que mais pessoas possam expor sua angustias em busca de soluções, coletivamente. Diante dos trabalhos, Sr. Rosalvo (INEMA), fez encaminhamento voltado para que as questões ali debatidas cheguem através de um documento aos órgãos competentes de trazerem retornos e soluções dos anseios da população. O encaminhamento foi apreciado, votado e aprovado.


Pela tarde, houve uma redução de quase 80 % da plateia que se fez presente na parte da manhã, reclamado pelos poucos que deram sequencia, mas a redução não deixou que os assuntos debatidos não fossem tão rico quanto foram os debates na parte da manhã. Dentro das discussões inciadas por Francisco Ivan, sequenciado pelo coordenador do INEMA, Sr. Anselmo e por Izamar, Sec Municipal de Meio Ambiente. Próximo ao final da plenária, a conjuntura política nacional, o sistema educacional, a acomodação popular da maioria, exaltados os abnegados e a desestruturação familiar foram o ponto alto e sensibilizador para de todos que ainda ali estavam, sendo um deles, o pároco, Raimundo, um dos colaboradores na articulação para a realização da plenária, junto ao ex-vereador, atual secretário de obras, Jackson Coelho.   

OUTRAS IMAGENS







 


     
Compartilhar no Google Plus

Postado por George Silva

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.