São Francisco: Chesf anuncia alteração no volume útil nos reservatórios ao longo do rio a partir de setembro

Foto: Ney Vital

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) apresentou um estudo no início desta semana a respeito do controle de cheias no Sistema Interligado Nacional e em particular, na bacia do Rio São Francisco. A apresentação foi realizada pela equipe técnica do órgão durante a reunião promovida quinzenalmente pela Agência Nacional de Águas (ANA), em Brasília (DF), e transmitida por videoconferência para os estados da bacia, na qual analisa as condições hidrológicas do manancial. As explanações confirmam a preocupação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) com o tema.

Ainda durante a videoconferência, a equipe do Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden) apresentou estudo hidrológico da bacia do chamado rio da integração nacional. De acordo com os dados apresentados, a precipitação na bacia foi praticamente zero na semana que passou e nos próximos dias, a previsão é de chuvas apenas no litoral, sem interferência no nível de armazenamento dos reservatórios.

A equipe do ONS também apresentou avaliação de curto prazo e condições de armazenamento dos reservatórios até o início de setembro. De acordo com o estudo, o reservatório de Três Marias, em Minas Gerais, deve permanecer com a operação de 267 metros cúbicos por segundo (m³/s); em Sobradinho, na Bahia, 670m³/s; e em Xingó, entre Alagoas e Sergipe, 608m³/s.

Com isso, o volume útil em Três Marias sai do nível atual de 40,5% de volume útil, para 39% em 1º de setembro; em Sobradinho, o volume útil sai de 30% para 28,8%; e Itaparica, de 22% para 21,1%.

A próxima reunião da ANA relacionada à bacia do São Francisco está marcada para o dia 3 de setembro, a partir das 10h. A reunião conta com a participação de diversos entes ligados às questões do Velho Chico, a exemplo da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), Ministério Público Federal (MPF), Marinha, perímetros irrigados, entre outros. As reuniões são transmitidas por videoconferência para os estados inseridos na bacia hidrográfica.

Fonte: Remanso News
Compartilhar no Google Plus

Postado por George Silva

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.