Pesquisa da Facape aponta aumento de preço na cesta básica no mês de dezembro em Petrolina

O colegiado do curso de Economia da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) apresentou, na comparação do mês de dezembro de 2018 com dezembro de 2017, inflação de 8,33% em Juazeiro - BA e de 3,05% em Petrolina - PE. Considerando as informações das duas cidades, a inflação no período foi de 5,68%. 

A pesquisa do custo da cesta básica de alimentação estimou que um trabalhador do Vale do São Francisco que recebeu um salário mínimo de R$ 954,00, gastou 32,5% da renda com a compra de produtos da cesta básica. Isso significa que após a aquisição dos alimentos restaram R$ 644,31 para gastar com as demais despesas (moradia, transporte, vestuário, saúde e higiene e serviços pessoais).

Em Petrolina, quase todos os produtos tiveram aumento de preço, com exceção do leite integral e da banana, na comparação do mês de dezembro com o mês do novembro de 2018. O preço do tomate, o feijão carioca e carne bovina sofrem maiores preços nesse período. Entre novembro e dezembro de 2018, o valor da cesta básica aumentou 7,35% em Juazeiro e 3,81% em Petrolina.

A pesquisa ainda estimou uma comparação entre dezembro de 2018 e dezembro de 2017. Foi especificado um aumento entre o leite integral, 25,47%, e o tomate 20,13%, sendo os dois produtos que apresentaram a maior variação anual. A banana e a farinha de mandioca, por outro lado, apresentaram as maiores reduções no ano, -26,7% e -16,29%.

Equipe Ascom Facape

Compartilhar no Google Plus

Postado por George Silva

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.