Evento vai celebrar candidatura de Ana Angélica a presidenta do PT de Juazeiro

A menina que começou sua militância em defesa das causa sociais na Pastoral da Juventude do Meio Popular, tornou-se petista antes mesmo de atingir a maioridade, ao assumir-se simpatizante ainda na adolescência. Baiana de Feira de Santana, Ana Angélica Almeida Lima veio morar em Juazeiro aos seis meses de idade, vivendo a maior parte de sua vida no Bairro Piranga.
Depois de 32 anos de filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT), a militante agora concorre à presidência do Partido no município que lhe adotou. O evento de lançamento da chapa “Lula Livre: avançar e resistir”, encabeçada por Ana Angélica, acontecerá no próximo dia 09, a partir das 18h, no Espaço Cultural Movimento, no Bairro Maria Gorete.
Trajetória
Professora de formação, Ana Angélica é concursada do estado de Pernambuco, onde já aposentou-se, e da Bahia, exercendo ainda a função. A candidata também carrega experiências de sua atuação na Comissão Pastoral da Terra e Pastoral da Mulher Marginalizada, tendo o saudoso Dom José Rodrigues como uma de suas grandes referências políticas.
Angélica também é lembrada pela sua passagem na Superintendência da Codevasf, cargo que assumiu durante cinco anos, momento em que obras importantes para o município e região foram efetivadas, a exemplo do Programa Água para Todos, Projeto Salitre, revitalização dos perímetros irrigados e esgotamento sanitário em pequenos municípios da Bacia do São Francisco, dentre outras.
Para a candidata, assumir esse novo desafio é reconhecer que hoje o PT “é um partido que se afastou dos movimentos sociais, é um partido que está fragilizado, é um partido que não renovou suas lideranças”. Para mudar esse cenário, dentre as prioridades propostas para a gestão estão: a valorização da participação da juventude, das mulheres, negras e negros, povos de terreiro, comunidades rurais, LBGTQ+; a reestruturação do partido; o incentivo e apoio a mandatos coletivos; a defesa da democracia no país, mantendo ativa inclusive a luta pela liberdade do ex presidente Lula, que contribuiu com a mudança de vida do país, especialmente do Nordeste.
Ana Angélica conta com apoio de diversas tendências do Partido dos Trabalhadores, como Avante, Resistência Socialista, Movimento PT e Democracia Socialista, além de independentes, reunindo antigos e novos militantes da área urbana e rural do município e dos segmentos da educação, saúde, artes, esporte, etc. “Essa campanha está sendo muito positiva, porque ela está possibilitando que muitos militantes que estavam afastados retornem pro partido e façam essa discussão”, conclui a petista.

AsCom
Chapa Lula Livre: avançar e resistir
Juazeiro - BA
Compartilhar no Google Plus

Postado por George Silva

Entre em contato conosco através do e-mail: sobradinhonoticias@hotmail.com para envio de notícias, sugestões e outros assuntos.