“Bolsonaro persegue a comunidade LGBTQ+”, diz Suíca sobre cancelamento de vestibular


O vereador e vice-líder da oposição na Câmara de Vereadores de Salvador, Luiz Carlos Suíca (PT), criticou o cancelamento do vestibular para LGBTQ+ em universidade federal anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) nesta terça-feira (16). Esse vestibular seria realizado pela Universidade da Integração da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) e foi lançado há apenas uma semana. “Bolsonaro faz o que sabe melhor: retira direitos e persegue a comunidade LGBTQ+. O vestibular específico para trans, travestis, não binárias e intersexuais seria uma ferramenta importante e inédita no país para equilibrar o acesso ao ensino superior de uma população marginalizada historicamente, assim como os negros e os quilombolas”, salienta Suíca.

Antes do cancelamento, as inscrições iriam até o dia 24 de julho com 120 vagas em 15 cursos presenciais da instituição em três campis diferentes no Ceará. “Infelizmente essa posição do presidente mostra que o governo tem um caráter ideológico contra a população LGBTQ+, mostrando que está unido aos grupos conservadores e fundamentalistas. Eles tentam não reconhecer a cidadania da população gay e trans. Observam essas pessoas sem terem direitos. O governo cancelar esse processo onde a universidade tem poder interno para abrir um edital desse tipo é, no mínimo, transfobia. Não existe outro nome para isso”, aponta o edil petista.

Ele completa dizendo que um vestibular específico reflete a omissão do estado soberano frente a determinadas comunidades. Para Suíca, a população de travestis e transexuais, segundo dados de grupos LGBTQ+, é um dos grupos mais vitimados pela discriminação. “Não podemos aceitar que essas pessoas fiquem vulneráveis socialmente por conta desse governo que acaba com políticas públicas e direitos básicos, como o acesso à educação. Muitas delas não conseguem chegar a fazer um curso superior para tentar inserção no mercado de trabalho. Outro ponto que precisamos debater. Pois os que conseguem se formar não conseguem uma colocação”.

Ascom do Vereador Luiz Carlos Suíca
Vitor Fernandes (DRT-2430)

Entre em contato conosco também via WhatsApp!