Casa Nova: Prefeitura participa de medição para definir limites entre Bahia, Pernambuco e Piauí


Cosme Coelho (Corbiniano Coelho Pereira), Assessor Especial da Prefeitura de Casa Nova e o Vereador Cacado (Luiz Claudio Braga dos Santos  - PSB), o primeiro representando o prefeito Wilker Torres e o segundo a Câmara de Vereadores participaram da Comissão que percorreu os locais identificados como marcos de divisa entre os estados da Bahia, Pernambuco e Piauí.
Casa Nova é o único município da Bahia que faz divisa com dois outros estados e pela sua extensão territorial há indefinição sobre a linha exata da divisa em vários locais. Cosme Coelho relata que utilizou o conhecimento local e as pessoas para definir localidades como pertencentes à Casa Nova, portanto ao Estado da Bahia:
“Acompanhamos a identificação das divisas, desde a divisa entre Bahia, Piauí e Pernambuco. Houve lugares que a gente defendeu, pois a linha do IBGE tirava para ser Pernambuco, mas pelo conhecimento que a gente tem, envolvemos a comunidade para assegurar o nosso direito”
Cosme explica que “algumas comunidades eles achavam que era Pernambuco e são da Bahia, Casa Nova. Tivemos uma participação fundamental para garantir nossos direitos” – conclui.
O que é a Comissão e o que discutiu em audiência
A Comissão de Assuntos Territoriais e Emancipação da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) tem a responsabilidade de discutir o termo declaratório da divisa territorial entre Bahia, Piauí e Pernambuco.
São 663 quilômetros de divisa, sendo 185 terrestres, e o restante abrange 215 ilhas, dentre elas ilhas da região do São Francisco, como a Ilha do Fogo, do Rodeadouro, Massangano, entre outras.

Na audiência pública realizada em Juazeiro, foi apresentada a proposta elaborada após análises técnicas feitas pela SEI e IBGE, aprovadas e sugeridas pelos representantes dos diversos municípios envolvidos, inclusive de Casa Nova.

Participaram da Audiência, os parlamentares membros da comissão, o representante da Superintendência de Estudos Econômicos da Bahia (SEI), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), representantes das Procuradorias Gerais dos estados, da Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALPE), e gestores das prefeituras de Juazeiro (BA), Casa Nova (BA), Curaçá (BA), Abaré (BA), Afrânio (PE), Petrolina (PE), Lagoa Grande (PE), Santa Maria da Boa Vista (PE), Orocó (PE), Cabrobó (PE), Belém do São Francisco (PE) e Queimada Nova (PI), que fazem parte do território.


Manoel Leão
Ascom PMCN

Entre em contato conosco também via WhatsApp!