“Pobreza aumenta e investidores fogem do Brasil com o governo Bolsonaro”, critica Valmir

A reação foi de tristeza e indignação para o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) ao verificar que os dados do IBGE publicados esta semana nos meios de comunicação mostram o aumento da pobreza extrema no Brasil. Nesta quarta-feira (6), o parlamentar petista usou a tribuna da Câmara para detalhar as informações, criticar o governo federal e falar da falta de investimentos no país. “Hoje são mais de 13,5 milhões de brasileiros vivendo na pobreza extrema. Isso é fruto dessa política do governo Bolsonaro - que não cuida do Brasil e nem das pessoas. Ele quer, cada vez mais, fazer os ricos ficarem mais ricos e os pobres mais pobres. E os dados mostram isso”.

Valmir também registrou a falta de investimentos que assola a economia nacional. Ele disse que o ‘mega leilão’ do governo Bolsonaro, onde o ministro da Economia Paulo Guedes e boa parte do Congresso Nacional “disseram que grandes investidores poderiam investir no Brasil. Mas o ‘mega leilão’, onde disseram que arrecadariam R$106 bilhões com o pré-sal, foi arrematado pela Petrobras e uma empresa chinesa por R$69 bilhões, ou seja, cadê os investidores? Quem é que tem coragem de investir nesse Brasil governado por Bolsonaro?”, questiona o petista baiano.

Para Assunção, os baixos índices de desenvolvimento, a reprovação do governo e falta de popularidade do presidente tem estagnado a economia e diferentes setores da sociedade. “Com um governo como o de Bolsonaro, que não respeita a democracia, não respeita o contraditório, assusta as pessoas, os empresários fogem daqui. Qual investidor que tem coragem de vir investir no Brasil? Ninguém! Por isso, que no leilão, não apareceu os investidores para poder comprar o pré-sal que ele colocou à venda neste país. Essa é a grande realidade do Brasil”, completa.


Ascom do deputado Valmir Assunção
Vitor Fernandes (DRT-2430)
Entre em contato conosco também via WhatsApp!