Programa Saúde do Professor oferece serviços gratuitos para educadores e estudantes


Profissionais de diferentes áreas da Saúde prestam serviços gratuitos aos profissionais da Educação, por meio do Programa de Valorização e Saúde do Professor, desenvolvido pela Secretaria da Educação do Estado. O programa tem a proposta de reabilitar, prevenir e promover a saúde do docente, prestando assistência e apoio a esses profissionais no desempenho de suas atividades. O programa também atende estudantes e familiares, por meio de oficinas e palestras relacionadas a diversos temas, como o cuidado com a saúde mental, prevenção ao suicídio e ao câncer de mama.
O atendimento aos docentes é feito nas escolas da capital e do interior e no SAC Educação, que fica no Instituto do Cacau, localizado no bairro do Comércio, em Salvador. O programa oferece serviços gratuitos nas áreas de Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Serviço Social e Psicologia. Só em 2019, foram mais de 1.500 atendimentos individualizados, no SAC Educação e nas unidades escolares, e mais de 24 mil educadores foram contemplados com ações como terapia grupal, dinâmica de grupo e palestras em escolas.

Junto aos estudantes, o programa também vem promovendo palestras, oficinas e campanhas, dentre as quais estão a do “Setembro Amarelo”, de prevenção ao suicídio; além de Outubro Rosa e Novembro Azul, realizadas em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado (SESAB) e o PLANSEV.
Neste ano, o programa começou as atividades nas escolas durante a Jornada Pedagógica. Durante o evento, realizado de 3 a 7 de fevereiro, profissionais de Psicologia da Secretaria da Educação do Estado (SEC) falaram com os educadores sobre o tema “É preciso falar sobre saúde mental”. A atividade foi promovida em 40 escolas de Salvador.

A superintendente de Recursos Humanos da SEC, Rosário Muricy, falou da importância desta ação nas escolas. “Estamos neste ano letivo ampliando as ações do programa Saúde do Professor com palestras, oficinas, atendimentos, no propósito de dar apoio socioemocional aos profissionais e, também, aos estudantes e, se for o caso, aos familiares também. Para os nossos gestores e docentes é essencial reconhecer a importância das ações no olhar do autocuidado e da promoção à saúde. Promover um ambiente saudável é parte importante para o processo da educação”, disse, ao lembrar que o atendimento no SAC Educação pode ser agendado pelo telefone: 71-3117-1434.


Fotos: Ilustrativa / Geraldo Carvalho
Assessoria de Comunicação
Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Entre em contato conosco também via WhatsApp!