Mês de conscientização sobre o lúpus será lembrado em Juazeiro com programação virtual


O mês de conscientização do Lúpus, o ‘Maio Roxo’ será lembrado em Juazeiro de maneira diferente, devido às medidas restritivas de enfrentamento ao novo coronavírus.
A programação, que será desenvolvida ao longo de todo mês, trará capacitações, atividades educativas, palestras e conferências – tudo virtual. As atividades serão desenvolvidas pela Secretaria da Saúde em parceria com a Associação de Amigos e Pessoas com Lúpus.
Segundo especialistas, o Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES ou apenas Lúpus) é uma doença inflamatória crônica de origem autoimune, cujos sintomas podem surgir em diversos órgãos de forma lenta e progressiva (em meses) ou mais rapidamente (em semanas) e variam com fases de atividade e de remissão.  Embora a causa do LES não seja conhecida, sabe-se que fatores genéticos, hormonais e ambientais participam de seu desenvolvimento.
De acordo com a superintendente de Gestão de Pessoas da SESAU, Lorena Pesqueira, a ideia é chamar a atenção para a temática mesmo diante do cenário de pandemia vivido no país. “Tínhamos planejado outra programação, mas precisamos adaptar de acordo com a realidade que estamos passando. As atividades serão virtuais, porém cumprirão o mesmo objetivo que é chamar a atenção para o lúpus, desmistificando e dando visibilidade às pessoas vivem normalmente com a doença”, afirmou.
O lúpus pode ser identificado a partir de sintomas como: cansaço, desânimo, febre baixa (raramente pode ser alta), queda de cabelo e perda de apetite, inflamações nas articulações (juntas), rins, nervos, cérebro, e membranas que recobrem o coração e pulmão, inchaço nos gânglios (ínguas) que geralmente é acompanhado por febre. Podem aparecer manchas no corpo e no rosto em formato de asa de borboleta.

FONTE: RedeGN
Entre em contato conosco também via WhatsApp!